bagels-gergelim
Pães

My sweet NY: Bagels com Cobertura de Gergelim

Quando você pergunta do que um americano se alimenta, normalmente as pessoas dizem “coca-cola, hambúrguer, pizza e hot dog”. De fato, isso não é mentira. No entanto, a culinária americana é composta de muitas outras porcarias coisas, dentre elas: bagels.

Puro, com muito cream cheese, geleia ou salmão defumado. Com cobertura de gergelim, sementes de papoula ou sem nada. Branquinho ou integral. No café da manhã, no lanche ou no almoço. Com café preto, chá ou refrigerante. Anyway, acho que deixei claro o meu ponto: bagels estão presentes na cultura americana assim como a baguete está para os franceses.

Nunca fui fã de bagels porque sempre achei um pão muito pesado e massudo. No entanto, isso mudou na minha última viagem a NY. Logo que chegamos, após fazer o check-in fomos  reconhecer o território dar uma voltinha pelos arredores do hotel. No meio da nossa caminhada, avistamos um Dean&DeLuca. Como bons gordilhos turistas, paramos para comer alguma coisatomar um café.

Óbvio que ninguém ali queria apenas um cafézinho. Faça-me o favor, né! Avistei a vitrine e morri com tantas opções tinha um bagel com sementes de papoula que me chamou muita atenção! Apesar das minhas objeções em relação aos bagels, pedi. Pedi e para o meu espanto comi tu-do. Pela primeira vez na vida, comi um bagel inteiro. Resultado: comi muitos bagels ao longo da viagem.

Esses dias fiquei saudosa e como ninguém tem o hábito de comer bagels por aqui, eu mesma decidi fazê-los. Amei e pretendo repetir muitas outras vezes! Substitui o cream cheese por uma pasta de ricota. Super recomendo!

Let’s go!
Para 7 bagels:

  • 400g de farinha de trigo
  • 30g de fermento fresco (2 tabletes)
  • 35g de açúcar
  • 200ml de leite
  • 40g de manteiga
  • 5g de sal
  • Q/n de óleo
  • Q/n de gergelim

Esquente o leite com a manteiga e reserve. O leite deve ficar morno, ou seja, se você colocar o dedo na panela consegue ficar com ele imerso sem se queimar.

Na batedeira, escolha o batedor apropriado para massas pesadas (o que parece um gancho). Se você não tiver ou simplesmente não quiser usar a batedeira, pode trabalhar a massa com as mãos. Junte a farinha, o açúcar, o fermento quebrado e o sal. Coloque o fermento longe do açúcar e do sal (como mostrado na foto). Misture.

Adicione lentamente o leite com a manteiga derretida. Deixe a massa bater por 10 minutos em velocidade baixa/média. Ela deve ficar bem homogênea.

Coberta por um pano, deixe a massa descansar por meia hora. Ela vai dobrar de tamanho!

Pré-aqueça o forno a 200º.
Com as mãos, faça uma rosquinha com um furo no meio. Deixe descansar por mais 10 minutos.

Ferva água em uma panela e quando levando levantar fervura, abaixe o fogo. Mergulhe os bagels (faça 2 ou 3 de cada vez e deixe cozinhar 1 minuto de cada lado. Retire a umidade com um papel toalha e disponha-os em uma assadeira untada com óleo. Se quiser, faça alguma cobertura! Eu usei gergelins torrados.

Deixe assar por 30 minutos ou até ficarem dourados.

Dica: como cobertura você pode colocar alho desidratado, sementes de papoulas, canela, parmesão ralado etc.

Bon Appétit!
Bisous,

Write a comment