nhoque-ricota
Legumes & Verduras, Massas

Gostinho defumado: Nhoque de Ricota com Berinjela Defumada e Molho de Tomate

Vocês se lembram daquele hamburguinho de ricota que eu fiz aqui? Minha mãe gostou tanto da experiência que quis repetir a dose. Mas, eu sou aquele tipo de pessoa que não vê muita graça em fazer a mesma receita. O meu negócio é procurar algo novo sempre que possível. Como ela queria muito, eu tive que pensar em uma saída. A primeira mudança foi fazer porções menores, que lembrassem nhoques. A segunda, foi achar um legume legal e saboroso para colocar no meio da massa de ricota. Pensei em abobrinha, claro. Mas ao abrir a geladeira, me deparei com uma das maiores berinjelas que eu já tinha visto na minha vida. Eu TINHA que utilizá-la.

Eu não tenho ideia de onde minha mãe tirou aquela berinjela. Uma pena eu não ter tirado foto, mas se a minha descrição tiver algum valor, eu pensei que fosse transgênica. Ela era TÃO grande e TÃO vistosa, que parecia ter saído de uma produção mega premium. Ela não tinha cara de hortinha orgânica, onde os legumes são menorzinhos e mais feios.

Eu já mostrei aqui como gosto de berinjela, mas tem um porém que eu nunca contei. Dependendo da forma como ela for feita eu não como. Não como porque odeio aquele gosto amargo característico dela e, acho sim que ele estraga muitos pratos. A solução que achei foi de prepará-la como se fosse fazer um babaganush, ou seja, defumá-la na boca do fogão. Tive que partir a berinjela na metade e consequentemente, dividir a metade em duas partes. Sucesso, o gosto ficou ótimo! Deu um toque super especial à ricota que é meio, digamos assim, neutra insossa.

Para o hamburguinho fiz como acompanhamento uma saladinha de tomate. Dessa vez, ao invés do tomate em si, preferi tirar um molho de tomate caseiro que estava congelado. Eu literalmente optei por um nhoque de ricota, com direito a molho ao sugo e tudo que tinha direito! Com o tempinho frio que tem feito esses dias, acho que caiu muito bem!

Vem comigo!
Para 30 nhoques:

  • 350g de ricota
  • 200g de berinjela
  • 1 xícara de chá de parmesão ralado
  • 1 pitada de noz moscada
  • 1 colher de café de amido de milho (maisena)
  • Q/n de molho de tomate
  • Sal a gosto
  • Azeite a gosto

Lave bem a berinjela, espete-a com um garfo e coloque na boca do fogão. Vá virando aos poucos até sentir que todos os lados foram queimados. Você vai perceber que a pele abre um pouco. Corte em cubinhos (bem pequenos) e reserve.

Amasse a ricota com a ajuda de um garfo, junte o parmesão ralado, a noz moscada e o amido de milho. Misture bem.

Adicione a berinjela picada e misture novamente. Certifique-se de que incorporou bem todos os ingredientes. Se necessário, acerte o sal.

Com a ajuda de uma colher de chá, pegue pequenas porções da massa e molde com as mãos pequenas bolinhas. Achate-as levemente.

Esquente uma frigideira e coloque um fio de azeite. Disponha os nhoques de ricota na frigideira quente e deixe que eles fiquem bem queimadinhos por baixo antes de virá-los. Faça isso com muito cuidado, ok? Como eles são muito delicados, com pouco cuidado você corre o risco de desmanchá-los.

Esquente o molho de tomate e forre um prato com ele. Disponha os nhoques de ricota por cima. Se quiser, salpique um pouco de parmesão por cima.

Bon Appétit!
Bisous,

Write a comment