pizza-tres-queijos
Pizzas

Sem erro: Pizza Três Queijos (Cream Cheese, Mussarela e Gorgonzola)

É impressionante, uma semana sem postar é o suficiente para deixar a minha vida esquisita. O blog já faz parte de mim e principalmente da minha rotina, então, quando acontece algo que me impossibilita de cozinhar e compartilhar, tenho a leve sensação de que alguma coisa está fora de ordem, fora do seu lugar. A semana foi bem frenética: projetos mil e um TCC obrigatório da pós. É minha gente, a vida não está fácil. Mas, em compensação, a receita de hoje é ridiculamente simples. E o melhor de tudo, você poderá testar no final de semana. Sabe por quê? Porque é uma comidinha espetacular que tem cara de final de semana: Pizza Três Queijos.

Testei a receita semana passada durante o momento “eu PRECISO de uma pizza”. Bateu aquela vontade insuportávelrepentina de fazer pizza caseira e, pela minha experiência, sabia que era algo relativamente fácil e simples. Ou seja, perfeita para aquela noite de domingo. Lembrei que havia comprado um pote de Catupiry e logo me animei veio a ideia de utilizá-lo na receita. Quando abri a geladeira, sur-pre-sa: algum bandido filho da mãe já tinha se apropriado do meu catu e devorado quase tudo. A quantidade restante não dava nem para o cheiro, ou melhor, gosto. O jeito foi improvisar e trocar por um pote de cream cheese Philadelphia. Para complementar, nada melhor que a tradicional mussarela e um queijo gorgonzola por cima para dar graça e sabor.

Gosto muito de uma receita de pizza que postei há um tempo atrás que leva mel na massa. O sabor fica um pouco mais adocicado, bem interessante. No entanto, como o intuito desse blog é mostrar coisas novas e receitas diversificadas, fui atrás de uma massa mais “básica”. Dessa vez eu troquei o mel por um teco de açúcar. A massa ficou boa, bem elástica e fácil de trabalhar. Sobre a troca do Catupiry pelo cream cheese, também foi bem satisfatório. Deu cremosidade na medida certa e sem ficar enjoativo.

Se você precisa de uma ideia para o final de semana, já vou logo avisando que essa pode ser a receita que você estava esperando. Fácil e com ingredientes comuns, ou seja, a prova de dores de cabeça. Vai por mim!
Coloque umas cervejas para gelar e vem comigo!
Para uma pizza:

Massa

  • 250g de farinha de trigo
  • 1 colher de chá de açúcar
  • 1 colher de chá de fermento biológico seco (eu gosto do da Fleischmann)
  • 1 colher de chá de sal
  • 1 colher de sopa de azeite extra virgem + para untar
  • 160ml de água morna
  • 1 colher de sopa

Recheio

  • 75g de cream cheese (meio pote)
  • 200g de queijo mussarela (se achar pouco, coloque um pouco mais)
  • 100g de queijo gorgonzola
  • 1 xícara de chá de molho de tomate

Comece pela massa. Esquente a água até ela ficar morna, junte-a ao açúcar e ao fermento. Misture com um garfo para dissolver bem o fermento. Deixe descansando por 10 minutos até a mistura espumar. Se isso não acontecer, repita a operação. Se a água estiver quente demais, o fermento não fará efeito, ok?

Em um bowl, misture a farinha com o sal. Despeje o azeite por cima e, logo em seguida, a mistura líquida. Comece misturando com uma espátula. Quando a massa começar a pegar forma, sove/misture com as mãos por uns 10 minutos. A massa deverá ficar lisa e bem homogênea. Coloque um pouco de azeite no bowl, disponha a massa e cubra o recipiente com um pano. Deixe descansar em um lugar quente (pode ser dentro do forno desligado) por 1h. Passado o tempo, a sua massa estará maior. Sove novamente com as mãos e deixe descansar mais meia hora.

Pré-aqueça o forno a 250º. Abra a massa na forma com as mãos (não deixe muito grossa, ok?). Espalhe molho. Em seguida, distribua o cream cheese pela pizza. Cubra com o queijo mussarela e, por último, rale queijo gorgonzola por cima.

Asse por 20 minutos. Lembre-se que o tempo varia de forno para forno, portanto, antes de retirar do forno certifique-se que a massa não está crua e que a pizza está moreninha.

Bon Appétit!
Bisous,

Write a comment