dsc_0981
Massas, Molhos, Pastas & Cremes

(Quase um) Clássico Italiano: Bucatini All’ Amatriciana

dsc_0966

A comida italiana sempre me encantou. Fico impressionada com a capacidade que os italianos têm em desenvolver uma receita a partir de ingredientes “comuns”, para depois transformá-la em um clássico admirado por todos. Eu tenho a sensação de que todos os pratos têm alma! E é isso que torna a culinária italiana tão especial. As vezes, com pouquíssimos ingredientes, é possível fazer algo para se comer rezando. Para provar tudo isso que estou dizendo, escolhi um prato deliciosamente polêmico: um Bucatini All’ Amatriciana.

dsc_0945

Se você está se perguntando o porquê dele ser polêmico, eu vou explicar! Mas antes, de todas as lendas existentes, eu prefiro acreditar que essa é uma receita proveniente de Amatrice. Portanto, não vou entrar na discussão chata de que ela pode ser de outra região. Enfim, essa é uma receita que deve ser seguida à risca para ser considerada clássica. Chefs conservadores e amatricianos consideram uma heresia acrescentar cebola ou alho no molho. Para eles, é simplesmente inaceitável. Outro fator importante é a utilização do guanciale (espécie de bacon preparado com a bochecha do porco), pancetta e bacon estão terminantemente proibidos. O vinho branco, passa longe da panela e vai direto para a taça. A massa também é um ponto crucial na discussão: bucatini é obrigatório, spaghetti tolerado e qualquer outro formato, dispensado. Por último e não menos importante, a receita é feita exclusivamente com queijo pecorino, portanto, o parmegiano que fique guardado para outra receita. Viram só? Polêmica.

dsc_0973

Polêmicas a parte, por aqui eu não segui a receita à risca como manda o figurino. Guanciale é uma daquelas iguarias bem difíceis de encontrar! Até mesmo em São Paulo não é algo encontrada com facilidade. Indo contra as regras, mas ainda assim respeitando a Itália, coloquei pancetta no meu molho. Como eu a-do-ro uma polêmica, também troquei o peperoncino por uma pimenta dedo de moça. Ser prático e cozinhar com os ingredientes que temos à nossa disposição é uma das coisas que chamo de praticidade inteligência.

dsc_0993

O que me encanta muito nesse prato é a simplicidade. Se pararmos para pensar, são apenas quatro ingredientes utilizados no preparo. Quatro coisas que tornam essa massa uma das melhores e mais apreciadas do mundo! O sabor é tão potente que cada garfada passar a ser uma nova experiência. O queijo e o molho de tomate misturados ao sabor incrível da pancetta guanciale, somados ao ardor da pimenta, fazem desta uma combinação perfeita. Sabe aquele ditado de que não precisamos de muito para ser feliz? Pois é, acho que esse prato é uma tangibilização perfeita desse dito.

dsc_0004

Coloque 30 minutos o relógio, e vem comigo!

Para duas pessoas:

  • 300g de bucatini (ou spaghetti)
  • 400g de tomates pelados (uma lata)
  • 65g de pancetta (guanciale se você encontrar, e bacon se não tiver alternativa)
  • 100g de pecorino ralado + para finalizar o prato
  • 1 pimenta pequena dedo de moça
  • Um fio de azeite
  • Q/N de água para cozinhar a massa
  • Sal a gosto

Pique a pancetta em cubos ou em tiras. Reserve.

dsc_0947

Com a ajuda de um ralador, rale o queijo pecorino. Reserve.

dsc_0944

Corte a pimenta dedo de moça na metade, retire as sementes e depois pique-a bem miudinho. Quanto menor o corte, melhor o resultado. Reserve.

dsc_0949

Em uma frigideira aquecida em fogo médio, coloque um fio de azeite e refogue a pancetta com a pimenta dedo de moça.

dsc_0951

Quando a pancetta estiver dourada, adicione os tomates pelados. Você pode comprar os tomates já picados ou inteiro, ok? Se os tomates estiverem inteiro, amasse-os delicadamente com a colher. Deixe o molho cozinhar por 5-7 minutos.

dsc_0958

Em seguida, adicione o queijo pecorino ao molho de tomate. Misture bem fazendo com que o queijo derreta e incorpore completamente ao molho. Desligue, acerte o sal e tampe.

dsc_0960

Enquanto o molho descansa, ferva água com sal para cozinhar a massa. Quando estiver al dente, escorra a massa e junte-a ao molho reservado. Misture bem fazendo com que todos os fios de macarrão sejam banhados com o molho. Se houver necessidade, esquente um pouco a massa.

dsc_0964

Sirva com queijo pecorino ralado por cima.

Bon Appétit!

Bisous,

Mariana Muller

Write a comment