DSC_0188-min
Acompanhamentos, Hamburguer & Sanduíches

Voltando (aos poucos): Queijo Quente com Cebola Caramelizada

DSC_0065-min

Vamos lá: todo sumiço tem um motivo, acreditem! Eu sumi, parei de cozinhar e, se querem saber, precisava de um tempo para organizar o novo ciclo pelo qual estou passando. Para quem não sabe, o motivo do meu abandono tem nome e endereço novo. No caso, chama-se mudança. Mudança de casa, pessoal! Saí da casa dos meus pais, montei uma casa novinha em folha para chamar de minha e, claro, precisei de tempo a long winter para colocar tudo no lugar. Para marcar a volta, hoje trago uma receita que preza pela simplicidade, pela falta de pressa, pelo básico. Hoje é dia de: Queijo Quente com Cebola Caramelizada.

DSC_0186-min

Mas, antes da receita, uma breve explicação desabafo. Nunca imaginei que mudar de casa fosse tão trabalhoso! De fora, parece ser uma coisa simples, fácil de levar. Agora, quando estamos vivendo essa realidade, as coisas são bem diferente. Falta de tempo, trabalho, compras, cancelamentos, re-agendamentos, são apenas alguns pontos para lidar. Diariamente. Diante desse cenário, somos obrigados a escolher e priorizar. Resultado? Cinco meses sem cozinhar, com férias forçadas do blog. Foi difícil e deu saudade. MUITA saudade! Mas, nada que calma, tempo e organização não resolvam.

E, para marcar esse dia histórico – primeiro prato feito no MEU fogão, comendo NA MINHA CASA – escolhi algo simples, mas delicioso. Algo que, a cada mordida, me fizesse lembrar o motivo pelo qual eu amo cozinhar. Hoje é dia de voltar ao que é básico, de acabar com a fome de postar que eu estava sentindo.

DSC_0075-min

Essa receita definitivamente não foi feita para os apressadinhos de plantão. Ela é simples, mas requer tempo e paciência. As pessoas cometem um erro clássico ao fazer cebolas caramelizadas: fogo alto. Para as cebolas ficarem macias, escuras e adocicadas, elas precisam de tempo para e sempre em fogo bem baixo. Uma coisa muito importante sobre cebolas caramelizadas, é até onde ir. Qual o ponto certo? Pois bem, depende. Depende do que você quer e para qual prato deseja. Tenha claro que existem três pontos para a cebola caramelizada: ponto claro (blonde), médio (golden brown), e forte (deep golden brown). Para guarnições, o mais indicado é o último – e o que eu trago para essa receita.

DSC_0207-min

Em relação ao pão, escolha um que seja bem saboroso e complementar ao queijo quente. Se puder, escolha um artesanal, multigrãos, com nozes, passas, enfim, qualquer um que acrescente sabor. Vai por mim, esse detalhe faz toda a diferença! O que eu amo nesse sanduíche é que ele é uma verdadeira explosão de sabores, não tem quem não goste! Cada mordida é um momento de prazer. O pão, o queijo, a mostarda, e claro, as cebolas. Tudo perfeitamente harmonizado. Resumindo: melhor jeito de voltar a ativa.

DSC_0201-min

Então levanta, sacode a poeira e, depois de tanto tempo, vem comigo!

Para uma pessoa:

  • 2 fatias de pão artesanal (escolhi o multigrãos da Le Pain Quotidien)
  • Q/N de queijo muçarela
  • 2 cebolas médias
  • 1 colher de chá de mostarda Dijon
  • Fio de óleo
  • Q/N de manteiga com sal
  • Q/N de água

Comece pelas cebolas. Divida uma cebola na metade e corte em meia-lua (fatias de aproximadamente 0.5cm). Se você cortar muito fina, ela corre o risco de queimar. Separe camada por camada, grosseiramente.

DSC_0087-min

DSC_0090-min

Em uma frigideira larga, antiaderente e de fundo grosso, coloque um fio de óleo quando ela estiver quente. Despeje as cebolas. Abaixe o fogo imediatamente e deixe no mínimo enquanto as cebolas cozinham. De tempos em tempos, mexa com uma colher. Se as cebolas começarem a grudar no fundo da frigideira, derrame água aos poucos para soltá-las. O processo demora em média de 50 – 60 minutos. Lembre-se que esse tempo varia de fogão para fogão, ok?

DSC_0101-min

DSC_0127-min

Você vai reparar que com o passar dos minutos, as cebolas vão começar a mudar de cor. Primeiro elas ficaram claras, depois vão adquirir uma tonalidade de cappuccino, para só depois ficarem escuras. No final do processo, derrame duas colheres de sopas para soltar todo o sabor que ficar grudado no fundo da frigideira.

DSC_0132-min

DSC_0158-min
DSC_0169-min

Enquanto as cebolas caramelizam, passe para o queijo. Corte dois pedaços de queijo que sejam suficientes para um sanduíche farto, e rale-os no ralador grosso. Reserve.

DSC_0110-min

Corte duas fatias de pão, nem muito grossas e nem muito finas, e espalhe mostarda Dijon em ambos os lados. Reserve.

DSC_0103-min

Quando a cebola estiver no ponto, passe para a montagem do queijo quente. Sobre uma fatia, espalhe o queijo em cima da mostarda Dijon. Em seguida, acrescente um pouco da cebola caramelizada. Feche o sanduíche com a outra fatia de pão e espalhe um pouco de manteiga por cima. Leve ao forno pré-aquecido à 200º até o queijo derreter (cerca de 6 minutos).

DSC_0175-min

DSC_0179-min

DSC_0180-min

Dica: essa cebola caramelizada, para outros pratos (filés de carne, hambúrguer, churrascos e rosbife) fica divina. Se quiser, pode incrementá-la com pimenta do reino, tomilho, vinho branco, balsâmico e shoyu.

Bon Appétit!

Bisous,

Mariana Muller

Write a comment